Modo Meu

Antes de John Green já existia Nicholas Sparks no cinema

20/07/2015 - Categoria: Filmes - Autor(a): Victória Duarte

Antes de John Green já existia Nicholas Sparks no cinema - Modo Meu

Com o recém lançado filme Cidades de Papel, todos os olhos estão voltados para o jovem escritor John Green, que é o roteirista do longa protagonizada por Cara Delevingne e Natt Wolff, filme este baseado no livro homônimo do autor. Mas não, não estamos aqui para falar do livro, ou sobre o filme.

Nessa onda de reboots, remakes e “filmalizar” livros, John Green já lança seu segundo filme de seus livros. Depois do sucesso indiscutível de A Culpa é das estrelas, ele lança Cidades de papel, que é uma promessa de mais um romance fofinho que todos os adolescentes esperam (pra assistir e ficar postando fotos no instagram com frases do filme), mas beeeeem antes da moda de “filmalizar” livros, Nicholas Sparks já estava nessa.

Um amor para recordar

Mesmo sem saber, com certeza se você é uma mocinha (ou não) entre seus 18 – 25 anos já deve ter assistido um filme de um de seus livros, e nem sabia. Aposta quanto? Vai dizer que você não chorou no fim de O Diário de uma paixão com os dois velhinhos em cima da cama? Pois é, esse dentre outros tantos filmes são inspirados nas obras deste autor e roteirista desde seu primeiro livro a ser “filmalizado”, Um amor para recordar.

O diário de uma paixão

Todos seus filmes são desses bem melosos, mas ótimos pra assistir no fim de tarde (com uma dor de cotovelo ou de TPM, pra chorar bem muito), cheios de romances permeados de histórias inspiradoras de sempre se render ao grande amor e blá blá blá… Mas gente, são muito bons por causa do tom forte e ao mesmo tempo leve dele? Estranho isso, mas é verdade. Vale muito a pena tirar um fim de semana para assistir um dos filmes dele, que são muitos. Ah, e quer mais um motivo pra assistir aos filmes dele? Miley Cyrus, nossa Hannah Montana do Crack. Isso pra mim já basta! Hahaha!

Dá uma olhada nesses trailers dos três últimos filmes que ele lançou, um até muito pouco tempo atrás:

Uma longa jornada (2015)

O melhor de mim (2014)

Um porto seguro (2013)


Posts relacionados