Modo Meu

Categoria: Fotografia

16/01/2017 - Categoria: Fotografia - Autor(a): Mariana Fernandes

2017 começou cheio de novos hábitos e novidades. E para o 6 on 6 desse mês vou mostrar um dos pontos turísticos que eu mais gosto da minha cidade, que faz parte desse novo estilo de vida que eu desejo levar e que possui várias coisas legais pra fazer. Para esse mês, o grupo (todos os links dos blogs no final do post) decidiu aproveitar esse clima de férias para mostrar lugares legais para sair.

Me diz uma coisa, quando você pensa em Fortaleza, qual o primeiro lugar que vem a cabeça? Praia, né?! Beira Mar?! Sol, areia, mar, filtro solar, biquíni e verão o ano todo. Pois bem, você está certíssimo, mas tem horas que enche o saco e a gente precisa dar uma variadinha, principalmente para que já mora na terrinha.

Ano passado naquela de apresentar locais legais para o nosso colaborador de São Paulo, o Israel, acabei me encantando pelo parque do Cocó. Um ponto turístico corriqueiro de quem conhece minimamente Fortaleza, porém deixado para traz por não fazer parte do tradicional passeio pelas praias. Pois vamos aos motivos dessa minha indicação.

1 e 2: Exercício

Quem gosta de trilha e esportes ao ar livre vai se fazer, pois espaço tem de sobra. Esse fim de semana aproveitei que estou azilada no Kung-fu, e fui treinar naquele gramadão gigante. Além disso tem várias trilhas, de curtinhas as mais extensas onde é legal ficar rodeado de plantas e ver uns soins (macaquinhos). Essa que eu peguei é a “Trilha da Lago“, que é curtinha com essa ponte que quando chove muito acaba sendo coberta. Ah, mas se você não curtir muito essas coisas ainda dá pra fazer um piquenique fofo com direito a toalhas quadriculadas e tudo, mas vai cedo, pois tem uma galera que tem essa mesma ideia.

3 e 4:  Do Cocó a Beira Mar

Aos domingos, mas especificamente de 7h às 13h, algumas pistas e faixas em volta do parque são interditadas para que os ciclistas possam fazer o percusso: Cocó, Beira Mar, Passeio Público. Lá pelo próprio parque tem vários stands de aluguel de bike, onde a média de preço é de R$ 20,00 por três horas e no que eu fui ainda ganhava uma aguinha de coco na volta. A parte chata é que você precisa voltar com a bike, mas lá também tem pontos de bicicletas compartilhadas para quem sabe que não vai aguentar a volta.

5 e 6: No fim de semana

Atualmente os fins de semana são cheios de atividades por conta do projeto “Ocupe o Cocó” que possui Zumba, Yoga, escalada, tirolesa, arvorismo e mais uma infinidade de coisas que dá pra passar uma manhã agradável.

Então, essas foram as minhas dicas para quem quer fazer um passeio mais fortalezense e sair daquela rota: praias, Tapioqueiras e Mercado Central.

Ah, não esquece de ver o post da galera do grupo e ganhar mais dicas de brinde! :D

Romantize-se | Console cor-de-rosa | It’s Me, Mari | My Secret Books | Maricota Cara de Ricota


26/10/2016 - Categoria: Fotografia - Autor(a): Mariana Fernandes

01-6x6-halloween-cover

Hey, tenho novidades! Fim do mês passado fui convidada pela Anna Larissa, do Console Cor de Rosa, para participar de um grupo muito amor de 6 on 6. Mas o que é um 6 on 6 mesmo? Pois é, nem eu sabia! Mas seguinte, todo mês esse grupo vai definir um tema para a gente tirar fotinhas bonitas, falar sobre esse tema e lançar todo dia 6 do mês. Deu para perceber que hoje é dia 6, né? #MaryIronica

Logo no primeiro mês da minha participação me veio um tema que eu amo/odeio, tem melhor?! Halloween, é aquela data que a gente sempre vê nos filmes dos anos 80/90 que passam na Sessão da Tarde, e deseja fortemente que esse costume passe a vir para a nossa terrinha. Por mais globalizado que esteja o mundo, infelizmente não dá para bater na porta dos outros dizendo a clássica “Doces ou Travessuras“. Essa é a parte que eu odeio, além da ligação que temos aos filmes de terror, já que eu sou a pessoa mais medrosa que conheço.

Pensando no nesse período, que pra mim é época de rituais bobinhos de Halloween que quem sabe pode passar a ser parte do seu “Dia das bruxas”.

big-planner_Outubro

O primeiro deles é o clássico “Chaves”! Lembro que quando fui fazer as divisórias do meu planner em Outubro, me veio logo esse frase: “A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena” do seu Madruga. Acredito que tenha sido a minha primeira referência de “terror” o episodio de quando a gente finalmente entra na casa da Bruxa do 71, não tem como não lembrar! hahaha

6x6-halloween-os-sete-andre-vianco-aleph

Em segundo, um bom livro de fantasia, se possível sobre vampiros, bruxas ezumbis cai bem pra esse mês. Esse dá foto é a segunda edição do livro “Os Sete“, publicado pela editora Aleph, do André Vianco, nosso vampiro brasileiro. Um fato legal sobre ele é que a primeira edição foi publicada de forma independente pelo autor, que ia de livraria em livraria para divulgar seu trabalho. Vamos valorizar né gente!

6x6-halloween-sessao-da-tarde

Em terceiro são os filmes de Halloween que passavam na Sessão da Tarde. Para mim é mais do que uma tradição assistir filmes como: Abracadabra (esse da foto), Convenção das Bruxas, Garotos Perdidos, Elvira e por aí vai. Pode me chamar de velha, mas é tão bom!

6x6-halloween-decoracao-colcha-star-wars

Como quarto, temos que pensar na decoração. Eu que considero o “Dia das Bruxas” como uma data para se libertar nas fantasias, não importando o tipo (quase um carnaval isso), acabei decorando, sem perceber, o meu quarto com a minha colcha do Star Wars. Mas o que isso tem haver? Queridinho, tudo é permitido no Dia das Bruxas, tá?! P.S: Isso porque ainda não saiu a do Harry Potter hehehe.

6x6-halloween-fantasia

No quinto, fantasias para quê te quero. É época de usar a fantasia que eu quiser! Como não sou muito de ir a festas e sair fantasiada por aí sem motivo pode me levar a uma internação psiquiátrica, usar as camisas com a temática já tá valendo! :P

6x6-halloween-series-stranger-things

E por último, e o clichê de “mais não menos importante”, e não é mesmo. Reassistir aqueles vícios de series de suspense e mistério! Claro que na foto tem que ter Stranger Things, porque, né?! Não tem como não amar. Mas tem SupernaturalPenny DreadfulGrimmArquivo X e por aí vai.

É isso! Aproveite o Halooween, e se for fazer festinha, não esquece de me chamar, tá? Eu vou de Mulan esse ano. hehehe

Ah, não esquece de ver o post da galera do grupo e ganhar mais dicas de brinde! :D

Romantize-se | Console cor-de-rosa | It’s Me, Mari | My Secret Books | Maricota Cara de Ricota


25/04/2016 - Categoria: Fotografia - Autor(a): Mariana Fernandes

B612_APP_Modo Meu

Nessa era de “aparência é tudo”, a nossa tão amada rede social de fotos, o Instagram, passou a ser só mais uma grama verde para exibirmos nossas conquistas para os vizinhos/seguidores. O lugar que antes exibíamos fotografias despretensiosas do jantar que saiu meio estranho, porém gostoso, do arranhão que levamos ao cair do patins ou de um gato sendo apenas um gato comum, hoje nos apresenta fotografias bem trabalhadas, pensadas e editadas. Na onda de fotografias mais bonitas e estilosas, indicamos o app B612, uma foma democrática de arrasar nas fotos do Instagram.

O B612 é uma aplicativo de efeitos fotográficos que promete deixar as nossas selfies mais estilosas. Com efeitos que vão desde cor, que por sinal tem uma infinidade que chega a cansar na hora de escolher, até construção de mosaicos de fotos. O app também permite filmar vídeos pequenos, de até 6 segundos, afim de imitar a nova função do Iphone 6, qual eu chamo carinhosamente de fotos do Harry Potter.

Telas_App B612_Modo Meu

Mas vem cá, por que democrático? Bem, acho que nunca consegui indicar aqui um app que tivesse presente em todos os sistemas operacionais usados. Ou seja, tem para iOS, Android, Windows Phone e Opera Mini, acredita? Ahhhhh, e a melhor parte para os nossos bolsinhos brasileiros que não aguentam o dolar: Sim amados, o app é gratuito!

Ok, é tanta coisa boa, cadê a parte ruim? Bem, não são tantas, para falar a verdade. A primeira delas é que ao tocar na tela o app tira a foto, ótimo para quem tem Android, mas a galera do iPhone dá uma erradas no começo, pois a função de toque na tela é destinada para focar a imagem, então sempre vai ter aquela foto meio “eita, não estava preparado”. Já o segundo é que entre os filtros, alguns pagam de breguices dos anos 90, mas como são tantos disponíveis, eu nem levo isso em consideração, vai que um dia eu preciso.

Espero que goste da indicação, e não esquece de dizer o que achou!


17/02/2015 - Categoria: Fotografia - Autor(a): Mariana Fernandes

Dupla exposição_Modo Meu

Nessa era de Instagram é bem comum que as pessoas se interessem mais por fotografia e tenham vontade de descobrir técnicas mais profissionais que tragam mais olhares para as suas redes sociais. Atualmente, a técnica que está bombando entre fotógrafos é a de mesclar de fotos, que para ser mais profissional chamamos de dupla exposição.

A técnica de dupla exposição começou ainda no período das câmeras analógicas, quando o fotógrafo deixava o negativo exposto duas vezes e dava aquele efeito de uma foto por cima da outra. Atualmente, podemos reproduzir o efeito com câmeras digitais que possuem essa função (para saber é só olhar no manual ou na própria internet), mas além disso a maioria das fotos de hoje são feitas por intermédio do nosso querido Photoshop, pois assim podemos manipular de forma mais precisa o que queremos fazer em cada fotografia.

Teste Modo Meu_App Repflections

Se mesmo assim você não sabe mexer nesse tipo de programa e quer uma fotografia para compartilhar nas redes sociais, essa semana a Ray Ban lançou o app “Reflections x Ray-Ban”, que além de permitir com que você faça fotografias de dupla exposição ele ainda tem uns efeitinhos de acordo com a lente da marca para dar animada na edição. Infelizmente esse app só permite que as fotografias sejam tiradas na hora, ao estilo das analógicas que eu falei e só está disponível para iOS. Dei uma testada e depois de mil tentativas até que saiu umas coisas boas (fotos acima).

UPDATE – Agora o Reflections x Ray-Ban também está disponível para Android.

Para quem está interessado em poder escolher as fotografias que já foram tiradas, também testei dois apps que podem dar mais precisão a edição.

O primeiro deles é o Rookie, aquele tipo de aplicativo gratuito qual a maioria dos pacotes de efeitos tem que ser comprados e ainda te joga umas propagandas na sua cara. Eu particularmente não gosto desse tipo de app, pois prefiro pagar e já ter tudo em mãos, mas confesso que o editor que mescla as fotos é uma das partes gratuitas e da uma precisão de edição bem legal. O chato mais uma vez é só está disponível para iOS (desculpa galera do Android e Windows Phone). Veja as fotos teste a abaixo.

Teste Modo Meu_App Roockie

Em segundo lugar temos o Diana Photo que além de fazer a mescla, ele possui uma função que ao sacudir o celular o app escolhe duas fotos da sua galeria e mescla automaticamente, o que na maioria das vezes “dá ruim”, mas é divertido tentar a sorte. Esse app é pago, mas possui uma função gratuita para teste que coloca a assinatura de na foto quando é salva, mas achei uma boa opção para quem quer testar se vale a pena comprar. Ah, esse sim está disponível para Android e iOS, para a  felicidade geral da nação. Veja as foto teste a abaixo.

Teste Modo Meu_App Diana Photo

Qualquer dúvida é só perguntar que eu dou um jeitinho de descobrir, e se quiser dar uma dica de app que você usa, fique a vontade para mandar que eu vou amar. :P


12/01/2015 - Categoria: Fotografia - Autor(a): Mariana Fernandes

Instagram em 3 2 1_Modo Meu

Tem gente que vê o Instagram como uma simples ferramenta para seguir amigos e curtir as suas fotos, mas tem uma galera que o leva como ferramenta de inspiração tão a sério quanto o Pinterest. Como outras ferramentas, o Instagram, a mais popular entra elas, serve para vários fotógrafos, entre outros profissionais, divulgarem seus trabalhos, uns criam conteúdo e outros coletam inspirações.

Na onda de indicar 5 perfis para quem quer ver além das fotos dos amigos viajando, vou lhes apresentar tanto fotógrafos profissionais entre outras pessoas que usam isso como formar para compartilhar inspirações.

designcollector – Inspirações aleatórias que melhoram o dia a dia.

Perfil do site designcollector.net que possui o objetivo de reunir imagens cheias de inspirações. Os conheci de pela fanpage e desde então o considero um alívio nas horas de estresse. Desde imagens de paisagens até retratos, esse perfil traz uma diversidade de boas imagens que considero inspirar meu dia a dia.

bethanymarieco – O retrato da natureza.

O perfil da fotógrafa Bethany Marie apresenta uma característica de imagens focadas na natureza, que vão desde paisagens lindíssimas (com neve e montanhas, que eu acho lindo) até retratos do que aparentam ser modelos. Se quiser mais informações por esse trabalho: www.bethanymarie.co.

rick_poo – As fotografias de comida que realmente devem ser vistas.

Rick Poo é um fotógrafo americano que tem como característica imagens de food-style (comidas bonitas) e estabelecimentos tipicamente americanos. Para mais informações do fotógrafo: alamodejournals.com.

Uma foto publicada por Rick Poon (@rick_poon) em

denn_ice – O urbano encantador.

Tumblr que reúne típicas imagens urbanas, qual acredito serem de New York. Não há muito o que falar sobre esse perfil, mas a cada imagem que vejo, minha vontade de fotografar e viajar só aumenta!

Uma foto publicada por @denn_ice em

inspiredbythisblog – O mundo das festas em imagens.

Blog especializado em decoração de festas, vejo esse perfil para quem quer referências para festas de qualquer tipo, por mais que o mesmo seja mais dedicado a comemorações de casamento. Veja o blog: www.inspiredbythis.com.

Claro que existem mais um turbilhão de perfis sensacionais, e se vocês quiserem posso continuar com as dicas de inspirações no Instagram, é só pedir.