Modo Meu

Categoria: PC

10/12/2014 - Categoria: PC - Autor(a): Marcos Fábio

Overwatch_ModoMeu

Na Blizzcon desse ano contamos com o anuncio do Overwatch, jogo FPS com uma pegada de MOBA, que demonstrou ter um grande potencial para o cenário competitivo e com gráficos que vão além do “bem feito“.

O que me chamou a atenção para esse jogo foi a semelhança com o Team Fortress 2 (Valve), e logo associei a um possível “troco” que a Blizzard pudesse querer vir a dar a Valve pelo “roubo” do DOTA 2.

Para aqueles que não estão familiarizados com o caso, o DOTA (Defense of the Ancients: Allstars), mapa do jogo Warcraft 3 da Blizzard, ganhou proporções gigantescas, só que a Blizzard estava ocupada demais com a sua galinha dos ovos de ouro, WOW (World of Warcraft), e acabou não dando a atenção devida ao jogo que tem um público que é crescente até hoje. A Valve muito sabiamente entrou em contato com Sr. IceFrog, pessoa a frente da criação e manutenção do mapa DOTA, e juntos lançaram o jogo DOTA 2, o que gerou um processo da Blizzard contra a Valve para tentar proibir a utilização do termo DOTA mas não teve sucesso.

Depois de falar algumas curiosidades sobre os bastidores do mercado de games, vamos ao mais importante, a apresentação desse jogo que promete ser mais uma grande opção para as madrugadas de muitos gamers ao redor da Mother EARTH!!!

TIPOS DE MAPAS (Objetivos)

CARGA ÚTIL

O objetivo do time atacante é transportar a carga até um ponto de entrega, enquanto os defensores devem impedir o progresso dos atacantes até que o tempo acabe.

CAPTURA DE PONTO

Dois times batalham pelo controle do mapa, um time no ataque, o outro na defesa. A meta dos atacantes é capturar objetivos críticos, enquanto os defensores devem manter controle destes até que o tempo acabe.

Onde você vai poder optar entre 12 heróis com diferentes habilidades e funções:

DEFENSIVOS

BASTION

 overwatch-bastion

TORBJÖRN

overwatch-TORBJORN

WIDOWMAKER

overwatch-windowmaker

OFENSIVOS

FARAH

overwatch-phara

HANZO

overwatch-hanzo

REAPER

overwatch-reaper

TRACER

overwatch-tracer

SUPORTES

MERCY

overwatch-mercy

SYMMETRA

overwatch-SYMMETRA

ZENYATTA

overwatch-ZENYATTA

TANQUES

REINHARDT

overwatch-REINHARDT

WINSTON

overwatch-winston

EXTRA

TRAILER CINEMÁTICO (PT-BR)

TRAILER DE JOGABILIDADE

O jogo ainda não tem data de previsão para o lançamento, mas já abriram as inscrições para participar do beta.

Para ter a chance de participar da fase beta, basta fazer o login na sua conta da Blizzard e selecionar o jogo nas configurações de participação de BETAS. Clique aqui para acessar sua conta.

Boa sorte na seleção para participar do beta!!!


23/09/2014 - Categoria: PC - Autor(a): Dyego Cruz

introducing-the-expendabros-broforces-free-expendabros-steamjpg

Para você que gosta de jogos de ação, gráficos 2D, independentes, personagens altamente “brucutus” e para a sua maior alegria ainda, gratuito, hoje terei o prazer de apresentar um jogo que irá atender a todas essas suas expectativas.

The Expendabros é um jogo que além de ter tudo que falei antes, também lhe dá a oportunidade de ser multiplayer, altas explosões e muita diversão enquanto você joga com todos os “brucutus” do filme Mercenários 3, aonde cada um tem o seu ataque especial combinando com o seu personagem.

the-expendabros-broforces-free-expendabros-steam-gaming

O jogo foi baseado em Broforce, um dos grandes sucessos da Steam, e foi desenvolvido pelos mesmo desenvolvedores da Free Lives com intenção de parceria e divulgação tanto do filme Mercenários 3 quanto do jogo original, que assim como The Expendabros também é altamente divertido.

Então se você quer se divertir pra caramba e acabar com a sua decepção que foi o filme (afinal eu só ouvi coisa ruim sobre ele), então The Expendabros é uma perfeita solução. O jogo está atualmente gratuito para jogar na Steam (link aqui) e está disponível tanto para Windows quanto para Mac (sorry linux t.t).

Agora vai lá e explode tudo!


13/08/2014 - Categoria: PC - Autor(a): Dyego Cruz

unturned_steam_2

Passeando pela Steam a procura de joguinhos interessantes para dar uma acalmada no meu vício de novos games, e de preferência gratuita, dei de cara com este que de início me pareceu meio chatinho, mas que é bem divertido.

Unturned é um jogo independente lançado em Julho de 2014, foi desenvolvido por Nelson Sexton e distribuído pela Smartly Dressed Games.

Os visual do jogo é daqueles bem primitivos, todo 8-bits, e o principal objetivo é sobreviver ao ataque dos zumbis que dominam as cidades e o mundo assim como The Walkind Dead e os vários outros filmes e jogos que se vê por aí.

unturned_screenshots

Os diferenciais são que você pode personalizar o seu personagem, começa o jogo nú, sair por aí pegando tudo que for item no meio da rua ou dento das casas, pode dar uma de GTA e sair atropelando os zumbis a vontade (mas cuidado que o combustível acaba rápido).

O jogo também permite que você jogue online com os seus amigos, ainda não da maneira mais legal, que seria um servidor com milhares de pessoas, mas é possível criar um servidor local e tentar sobreviver com mais alguém.

unturned-lighthouse

Como já disse o objetivo principal do jogo é sobreviver, mas além disso você também terá de dar uma de jogador de minecraft e sair explorando e buscando itens para poder construir algumas coisinhas e viver em paz mesmo com os zumbis querendo te pegar, principalmente quando armas são utilizadas, pois o barulho delas atraem eles assim como todo bom jogo de zumbis hehe.

Sem contar que enquanto você está lá jogando o ambiente fica escuro e se não conseguir encontrar uma lanterna, arma, comida ou qualquer coisa que te ajude a sobreviver os zumbis vão te pegar, pois eu tentei mas não consegui matar nenhum deles na mão.

Para finalizar, Unturned é gratuito (com um upgrade opcional) na Steam (link aqui) e atualmente está disponível tanto para Windows quanto para Mac. Espero que tenha gostado dessa dica e pode aguardar que ainda vem mais por aí.


02/07/2014 - Categoria: Console - Autor(a): Dyego Cruz

Child of Light Review-Screenshot-Wallpaper-Title-Screen

Eis que em tempos de tantos jogos com gráficos absurdamente realistas, surgem jogos como Child of Light para nos deixar presos a toda a sua beleza e simplicidade de sua existência. (filosofando hehehe).

Desenvolvido pela Ubisoft Montreal e lançado em 30 de Abril de 2014, este RPG fascinante nos leva a antiga Áustria de 1895 e nos conta a história da pequena Aurora, que cai num sono profundo e é transportada para o continente de Lemuria para resolver alguns probleminhas nesse mundo e lutar contra a Queen of The Night (Rainha da Noite).

Child-of-light-view-battle.1920x1080

Com esse plot o jogo pode parecer um pouco chato, monótono e tudo mais que não seja legal, mas depois de ver o trailer do jogo, depois de JOGAR o jogo, vi o quanto ele foi bem feito e o quanto deu certo, pois é um RPG baseado em turnos, mas você pode decidir se vai lutar alguns inimigos ou não e a “batalha” é algo bem mais dinâmico do que jogos como os da série Final Fantasy e Grandia e ele também tem muito da sua jogabilidade baseado em Limbo.

Child-of-Light-screenshot-11

Child of Light foi inspirado pelo Studio Ghibli, foi ilustrado por Yoshitaka Amano, o responsável pela arte de uma infinidade de jogos, incluindo eles a séria Final Fantasy, possui uma trilha sonora linda composta por Béatrice Martin e uma jogabilidade bem parecida com a de Limbo, este jogo realmente não tinha como dar errado.

Child-of-Light-screenshot-4

Se você tiver a fim de jogar, Child of Light ele está disponível para todas as plataformas na imagem abaixo.

Child-of-Light-plataformas

E só para o caso de você quiser comprar o jogo na Steam, vou deixar aqui o link de lá pra você não ter o trabalho de procurar. ;)

Child of Light – Steam

child_of_light_game_logo_wallpaper-modo-meu

17/01/2014 - Categoria: Mobile - Autor(a): Dyego Cruz

reaper-tale-of-a-pale-swordman-game-android-ios

Ultimamente tenho procurado muito por jogos que além de uma boa jogabilidade, também tenham uma beleza que chame a minha atenção. Assim como o Badland que já foi comentado aqui.

Reaper – Tale of a Pale Swordsman é um jogo de RPG de ação e aventura na qual o personagem principal que é um espadachim negro (Black Swordsman) que segue pelo mundo escolhendo o seu lado e batalhas que quer travar sempre evoluindo e podendo comprar ítens para ser melhor durante as batalhas.

reaper-tale-of-a-pales-swordman-game-choice

O que achei de mais diferencial no jogo, além de sua beleza e design, foi escolha feita para o controle do personagem, que não possui um “direcional” e um “botão” virtual na tela como a maioria dos jogos. Existem apenas direcionais e um pequeno tutorial no início do jogo para entender melhor. (as setas em algumas imagens no post explicam direitinho)

O jogo que foi desenvolvido pela empresa Hexage Ltd, e que está disponível gratuitamente tanto pra Android quanto pra iOS até o momento em que escrevo esse post, tem uma dinâmica muito boa de jogabilidade, design e de evolução do personagem bem atraentes para passar um bom tempo se divertindo.

reaper-tale-of-a-pales-swordman-game-battle

Gostou? Aproveita e assiste esse vídeo oficial do jogo e se impressione também. :)