Modo Meu

Resenha do livro Sombra do Paraíso, de David S. Goyer e Michael Cassutt

13/11/2015 - Categoria: Livro - Autor(a): Dyego Cruz

Capa_Sombra do Paraíso_Modo Meu

A corrida espacial e a procura por vida fora do planeta sempre foram assuntos que fizeram muitos viajarem em milhões de histórias e teorias e estudos, que falam sempre como deve ser lá fora e como raios seriam esses seres que podem ou não viver em outro mundo que não este que conhecemos. Claro que existem as pessoas que não curtem nem pensar nisso devido ao medo e a incerteza que esse e qualquer outro fato desconhecido possa afetar sua existência e tudo aquilo com que se está acostumado, mas acho que isso seria tema para outra ocasião.

Enfim, durante as últimas semanas andei lendo o livro Sombra do Paraíso, escrito por David S. Goyer (roteirista de filmes como Batman Begins e Batman – O Cavaleiro das Trevas) e o produtor de TV Michael Cassutt, publicado aqui no Brasil pela Editora Aleph.

contra capa_Sombra do Paraíso_Modo Meu

Com uma narrativa agradável e subdivida no foco de um personagem específico por capítulo, é possível acompanhar o pensamento e todas as aflições de cada um deles durante todos os acontecimentos que vão ocorrendo durante a  história.

O ano é 2016, quando de repente aparece no céu, ainda no espaço e fora da órbita da terra para ser mais específico, um enorme objeto não identificado e que foi batizado de Keanu. Sim, foi inspirado no ator Keanu Reeves de Matrix, que para mim pareceu ter sido por causa da sigla que se dá para Objeto Próximo a Terra em inglês, que seria NEO (Near-Earth-Objetc).

Detalhes_Sombra do Paraíso_Modo Meu

Após o aparecimento e parada repentina do estranho objeto bem próximo do planeta terra, inicia-se uma corrida espacial jamais antes vista no século XXI, onde a NASA e uma coalizão, que na minha opinião é bem inesperada, formada por  Rússia, Índia e Brasil se preparam para missões tripuladas para reconhecimento do estranho NEO.

Durante toda a preparação e durante a missão, são sempre mostrados todos os medos e anseios dos personagens, inclusive o do comandante da Destiny-7 (nave tripulada da NASA), Zack Stewart, que é praticamente o personagem principal e que chama a atenção por vários fatores, inclusive o de sempre tomar as melhores decisões (ou pelo menos foi o que achei).

Costas_Sombra do Paraíso_Modo Meu

Por ser o primeiro volume de uma série, claro que o final não poderia terminar com todos os arcos fechados completinhos para fazer com que o leitor que gostou do livro assim como eu fique na vontade do próximo, mas confesso que o arco final ficou um pouco aberto demais e foi meio corrido.

Mas além desse final estranho, de toda a história, toda a tensão e de todas as surpresas, o livro é realmente instigante quando se fala em busca do desconhecido e retrata bem vários termos técnicos, melhores atitudes que devem ou não ser tomadas por um astronauta/explorador e também várias referências as viagens espaciais que já ocorreram durante a história da humanidade. É uma aventura que conta um pouco da história da evolução tecnológica/espacial da raça humana e mostra uma maneira bem diferente de como lidar com o desconhecido.

Livro – Sombra do Paraíso no Submarino


Posts relacionados