Modo Meu

xbox liveTag:

22/04/2015 - Categoria: Games - Autor(a): Dyego Cruz

super meat boy - indie game - meat boy

Há algum tempo atrás, fiz um post falando sobre o documentário Indie Game -The Movie, que mostra a trajetória de alguns desenvolvedores e toda a dificuldade que eles tiveram enquanto estavam criando e tentando emplacar seus jogos no mercado.

Dentre os jogos apresentados, existe um que vai deixar você maluco de raiva com algumas das suas dificuldades impostas nas fases e também por causa da sua jogabilidade.

Desenvolvido por Edmund McMillen e Tommy Refenes, que juntos criaram a Team Meat, em 2010 eles conseguiram lançar o seu jogo apenas na xBox live para xBox 360 depois de pouco mais de um ano focados dia e noite apenas nesse trabalho.

SuperMeatBoy_mini-tutorial

Super Meat Boy é um jogo de plataforma em que você controla um pedaço de carne (sim, é isso mesmo que você leu) chamado Meat Boy, que deve ultrapassar vários obstáculos para tentar resgatar a sua namorada chamada Bandage Girl, que foi e é sempre raptada novamente pelo Dr. Fetus, personagem que odeia todos e que sempre está lá mostrando o dedinho do meio para você.

Para quem já está acostumado com aquela velha jogabilidade de Super Mário Bros, Super Ghouls’n Ghosts e daquelas “agarradas” na parede do Mega Man X e também do mais atual Broforce/Expendabros, vai ser moleza passar das fases e resgatar a Bandage Girl.

Mas se você é novo nisso e está mais habituado com todos esses jogos mega tecnológicos e 3D com correções de movimento e blábláblá, com certeza vai sofrer bastante. Se for acostumado com jogos em primeira pessoa e estiver mais acostumado ainda com o “ASWD”, vai ser pior, pois no PC não tem a opção de mudar as teclas (se alguém sabe como faz me avisa que não achei).

super meat boy - bandage girl - dr. fetus

Enfim, o jogo é bastante divertido e tem uns gráficos e traços bem atrativos, que misturados com a sua difícil jogabilidade e obstáculos a serem vencidos geram uma diversão que as vezes pode te deixar com muita raiva e ao mesmo tempo te fazer VIBRAR quando consegue finalmente passar de uma fase.

Bem diferente da data do seu lançamento, atualmente ele está disponível para xBox 360, Windows (qualquer versão que você tenha e que não seja abaixo do XP hehe),  MAC OS e até pra Linux.

Espero que goste do jogo e para facilitar ainda mais a sua vida, vou deixar pra você o link onde você pode comprar o Super Meat Boy na Steam. Um abraço e até mais.


02/07/2014 - Categoria: Console - Autor(a): Dyego Cruz

Child of Light Review-Screenshot-Wallpaper-Title-Screen

Eis que em tempos de tantos jogos com gráficos absurdamente realistas, surgem jogos como Child of Light para nos deixar presos a toda a sua beleza e simplicidade de sua existência. (filosofando hehehe).

Desenvolvido pela Ubisoft Montreal e lançado em 30 de Abril de 2014, este RPG fascinante nos leva a antiga Áustria de 1895 e nos conta a história da pequena Aurora, que cai num sono profundo e é transportada para o continente de Lemuria para resolver alguns probleminhas nesse mundo e lutar contra a Queen of The Night (Rainha da Noite).

Child-of-light-view-battle.1920x1080

Com esse plot o jogo pode parecer um pouco chato, monótono e tudo mais que não seja legal, mas depois de ver o trailer do jogo, depois de JOGAR o jogo, vi o quanto ele foi bem feito e o quanto deu certo, pois é um RPG baseado em turnos, mas você pode decidir se vai lutar alguns inimigos ou não e a “batalha” é algo bem mais dinâmico do que jogos como os da série Final Fantasy e Grandia e ele também tem muito da sua jogabilidade baseado em Limbo.

Child-of-Light-screenshot-11

Child of Light foi inspirado pelo Studio Ghibli, foi ilustrado por Yoshitaka Amano, o responsável pela arte de uma infinidade de jogos, incluindo eles a séria Final Fantasy, possui uma trilha sonora linda composta por Béatrice Martin e uma jogabilidade bem parecida com a de Limbo, este jogo realmente não tinha como dar errado.

Child-of-Light-screenshot-4

Se você tiver a fim de jogar, Child of Light ele está disponível para todas as plataformas na imagem abaixo.

Child-of-Light-plataformas

E só para o caso de você quiser comprar o jogo na Steam, vou deixar aqui o link de lá pra você não ter o trabalho de procurar. ;)

Child of Light – Steam

child_of_light_game_logo_wallpaper-modo-meu